PAOLA PAREDES

Paola Paredes – UNTIL YOU CHANGE

No Equador, existem aproximadamente 200 instalações para 'curar' homens e mulheres homossexuais e transexuais. Infelizmente, a maioria desses centros permanece aberta porque estão disfarçados de instalações de tratamento para dependentes de álcool e drogas. Presos contra a sua vontade, os internados são sujeitos a tortura emocional e física, através de alimentação forçada, espancamentos e violação corretiva.

Passei seis meses a entrevistar uma mulher que tinha estado trancada numa dessas clínicas durante meses, ao longo do tempo reuni relatos na primeira pessoa de outras vítimas. A proibição estrita de câmaras dentro desses locais impossibilitou contar essa história com práticas tradicionais de documentação. Se minha família não me tivesse aceitado quando me assumi perante eles, talvez eu me tivesse juntado aos rapazes e raparigas a quem as famílias enviaram para essas instituições. Influenciada por esta noção, escolhi colocar-me como protagonista dessas imagens. Incorporei as minhas próprias emoções e experiências com métodos teatrais para explorar o abuso de mulheres nessas instituições, encenando uma série de imagens com base no testemunho das mulheres que entrevistei.

Estas imagens permitem-nos ver o que nunca foi feito para ser visto. A perversão de comprimidos e livros de oração; o regime de feminilidade forçada em maquilhagem, saias curtas e sapatos de salto alto; tortura por corda ou luvas de borracha; o espectro da violação 'corretiva'.

Nem leis nem protestos mudaram as atitudes do meu país e, até que a sociedade equatoriana possa aceitar o direito humano à orientação sexual e / ou identidade de género, resta apenas a chamada doença que eles tentarão curar.

scan 105

BIO

Paola Paredes (n.1986) é uma fotógrafa nascida e sediada em Quito, Equador. Ao misturar fotografia documental tradicional com imagens encenadas, seu trabalho concentra-se em questões enfrentadas pela comunidade LGBT, ao explorar atitudes contemporâneas em relação à homossexualidade no Equador. Colocando-se na vanguarda das suas imagens, o seu trabalho representa um desafio pessoal e íntimo aos preconceitos sociais e convida a um discurso renovado sobre as interações entre sexualidade, família e liberdade pessoal na sociedade contemporânea.

Paola formou-se em design gráfico em Quito antes de concluir seu primeiro mestrado em fotografia na Middlesex University em 2015. Também detém um segundo mestrado em Fotojornalismo e Fotografia Documental da London College of Communication em 2016.

O seu primeiro grande trabalho fotográfico, 'Unveiled', foi amplamente elogiado após a sua publicação e foi bastante divulgado on-line, recebendo apoio de publicações importantes, como Huffington Post, Feature Shoot e Cosmopolitan. O seu segundo projeto 'Until You Change' também foi largamente elogiado on-line com publicações de destaque na BBC, Aljazeera, Yahoo News, Vanity Fair e muito mais.

pt_PTPortuguese
en_GBEnglish pt_PTPortuguese